Blog do Otávio

Futebol, política, religião, cultura, história e outros assuntos interessantes

Futebol

Tinha um sul-americano genial no meio do caminho: Pelé x Eusébio e Messi x Cristiano Ronaldo

Imagens retiradas de: http://esporteinterativo.com.br/melhor-futebol-do-mundo/messi-ou-cristiano-ronaldo-quem-sera-o-melhor-ao-fim-das-suas-carreiras-2/ e http://trivela.uol.com.br/bolas-de-ouro-pele/

Cristiano Ronaldo e Eusébio, além de portugueses, artilheiros, donos de marcas impressionantes e de figurarem entre os grandes futebolistas da história, possuem outro fator em comum: nenhum dos dois foi “o melhor” do seu próprio tempo. Para azar dos dois maiores jogadores da pátria mãe da última flor do lácio, tinha um sul-americano genial no meio do caminho. Primeiro, Pelé; agora, Messi.

Curiosamente, há outras semelhanças nas duas rivalidades: idêntica diferença de idade entre cada dupla (dois anos); assim como Eusébio no passado, CR7 detesta a comparação com seu adversário mais celebrado (contudo, diferentemente de Ronaldo e Messi, Pelé e Eusébio eram amigos pessoais); mesmo após temporadas superiores a Pelé e Messi, cada português não era considerado o melhor do mundo pela maioria dos críticos; e todos eles possuem números absurdos de gols em relação aos seus contemporâneos.

Atualmente, os fãs de futebol têm um luxo inexistente nos anos 60: a cada ano, podem assistir vários confrontos entre os dois maiores jogadores do mundo. Apesar de ainda não ter ocorrido a sonhada final da Champions League entre Real e Barça ou um combate envolvendo Argentina e Portugal em Copas do Mundo, Messi e Cristiano Ronaldo disputam as mesmas competições, o que tem possibilitado jogos inesquecíveis. Ambos se enfrentaram inclusive em duas grandes finais:  Champions League de 2009, na qual o argentino marcou um gol, ajudando o seu Barcelona a vencer o Manchester United do português; e a Copa do Rei de 2013, quando Ronaldo marcou 2 gols pelo Real, derrotando o Barcelona de “La Pulga”.

Atuando em diferentes competições e continentes, o duelo entre Pelé e Eusébio quase sempre ocorria em jogos e torneios amistosos. Todavia, ainda assim, o mundo teve o prazer de vê-los em confrontos oficiais e históricos, como em 1962 (duas vitórias do Santos sobre o Benfica na final da Copa Intercontinental) e em 1966 (Portugal 3 x 1 Brasil na Copa do Mundo de 1966). Na Copa Intercontinental, Pelé brilhou, fazendo 5 gols em dois jogos e ajudando o Santos a atropelar o Benfica, campeão europeu. No segundo jogo em Lisboa, Pelé, talvez no melhor desempenho da carreira, anotou 3 gols e deu uma assistência para Coutinho. Na Copa do Mundo, Eusébio obteve sua revanche – com 2 gols, foi essencial na vitória portuguesa que eliminou a Seleção Brasileira do torneio.

Pois bem, em razão desse texto, decidi continuar a série que comparou os números de Pelé e Messi. Dessa vez, relato o confronto direto de cada um deles contra o segundo maior de sua época, respectivamente Eusébio e Cristiano Ronaldo (tão geniais que talvez fossem o “nº 1” em outras eras).

Incrivelmente, os números são bastante parecidos. Seguem o resumo dos dados e as informações sobre todos os jogos das duplas de rivais.

Messi (Barcelona e Argentina) x Cristiano Ronaldo (Manchester United, Real Madrid e Portugal):

messixronaldo

As equipes de Messi venceram mais partidas (cinco no total) e fizeram mais gols que as de Ronaldo. O argentino balançou as redes mais vezes, porém o português foi responsável por uma maior porcentagem dos gols dos seus times. Curiosidade: houve apenas 2 jogos por seleções.

Pelé (Santos e Brasil) x Eusébio (Benfica e Portugal):

pelexeusebio

As equipes de Pelé venceram mais partidas (cinco no total) e fizeram mais gols que as de Eusébio. O brasileiro balançou as redes mais vezes, porém o português foi responsável por uma maior porcentagem dos gols dos seus times. Curiosidade: há empate no confronto entre seleções, todavia Eusébio jamais derrotou Pelé em partidas de clubes.

Como se pode perceber, os números guardam notáveis semelhanças entre si, demonstrando uma espécie de repetição da história: após uma disputa acirrada entre dois gênios, o sul-americano termina com a coroa do futebol mundial sobre sua cabeça.

Para a lista de todos confrontos Messi x Ronaldo, visite: https://en.wikipedia.org/wiki/Messi%E2%80%93Ronaldo_rivalry#Head-to-head

Todos os jogos envolvendo Pelé e Eusébio:

15/06/1961 – Torneio de Paris (campo neutro) – Santos 6 x 3 Benfica – 2 – Pelé (2 gols) – Eusébio (3 gols);

06/05/1962 – Amistoso no Brasil – Brasil 2 x 1 Portugal;

09/05/1962 – Amistoso no Brasil – Brasil 1 x 0 Portugal – Pelé (1 gol);

19/09/1962 – Copa Intercontinental (Brasil) – Santos 3 x 2 Benfica – Pelé (2 gols);

11/10/1962 – Copa Intercontinental (Portugal) – Benfica 2 x 5 Santos – Pelé (3 gols) – Eusébio (1 gol);

21/04/1963 – Amistoso em Portugal – Portugal 1 x 0 Brasil;

24/06/1965 – Amistoso em Portugal – Portugal 0 x 0 Brasil;

19/07/1966 – Copa do Mundo (ING) – Brasil 1 x 3 Portugal – Eusébio (2 gols);

21/08/1966 – New York Champions Cup (EUA) – Santos 4 x 0 Benfica – Pelé (1 gol);

18/08/1968 – Copa Ciudad de Buenos Aires (ARG) Santos 4 x 2 Benfica;

1/09/1968 – Amistoso (EUA) Santos 3 x 3 Benfica – Eusébio (1 gol).

Não esqueça de conferir todos os posts da série comparativa entre Pelé e Messi:

http://otaviopinto.com/index.php/2015/05/15/pele_messi/

http://otaviopinto.com/index.php/2015/05/16/desempenho-em-clubes/

http://otaviopinto.com/index.php/2015/05/16/pele-e-messi-iii-desempenho-em-selecoes/

http://otaviopinto.com/index.php/2015/05/16/pele-e-messi-iv-conclusao/

Share Button

1 Comment

  1. Oseias Verissimo

    Eu acho o futebol de Pelé e Eusébio parecidos apesar de que Pelé foi muito melhor, já Messi e CR7 acho mais diferente, um é mais habilidoso e o outro mais finalizador.

Leave a Reply

Loading Facebook Comments ...

Theme by Anders Norén